Sejam bem vindos!!!!!

Criamos este blog para que as mulheres tenham maiores informações sobre a contracepção de emergência. Neste espaço também poderão ser retiradas todas as dúvidas sobre este método contraceptivo.



O que é a pílula do dia seguinte?

A pílula do dia seguinte nada mais é que um comprimido de hormônio sintético (levonorgestrel) que uma vez que presente em grande quantidade no organismo, causa várias alterações tanto no amadurecimento dos óvulos, quanto na parede intra-uterina, fazendo com que o ambiente não seja favorável à um embrião.

Pílula do dia seguinte: É indicada para que caso?

A pílula do dia seguinte é indicada para a contracepção de emergência. Deve ser tomada dentro de 72 horas (3 dias) após a relação sexual desprotegida.
Indicado principalmente para:
- quando um método contraceptivo possa ter falhado;

- em casos de estupro;
- coito interrompido.

Contra indicações

A pílula não deve ser administrada em pacientes com gravidez confirmada. O produto será ineficaz a pacientes que já estejam grávidas, mesmo sem a sua confirmação.
Em casos de doenças hepáticas e da vesícula biliar, icterícia gravídica, carcinoma do ovário, do útero ou das mamas e sangramento vaginal anormal de causa não diagnosticada, a pílula deve ser administrada após consideração cautelosa da relação risco-benefício.

Reações adversas a pílula

Náusea (afeta cerca de 25% das pacientes).
Vômitos (afeta cerca de 5% das pacientes).
Atenção: se o vômito ocorrer até 2 horas após a administração da pílula a dose deverá ser repetida.
Podem ocorrer pequenos sangramentos uterinos irregulares. Espera-se que a menstruação ocorra no período certo, ou mais cedo. Se houver atraso, deve-se considerar a possibilidade de gravidez.
Com menor ocorrência também podem ocorrer tontura, cefaléia, sensibilidade das mamas e retenção de líquido. Essas reações são passageiras e devem durar no máximo 24 horas. Se persistirem, procure um médico.

Interações medicamentosas

Algumas drogas aceleram o metabolismo de contraceptivos orais quando utilizados simultaneamente.
A fenitoína, os barbitúricos, a rifampicina, a ampicilina, a fenilbutazona, a griseofulvina e alguns outros antibióticos diminuem a eficácia contraceptiva da pílula.

Advertências e superdosagem

O índice de falha da pílula está baseado no uso de uma única vez. Se for utilizado em mais que uma ocasião, o índice de falha acumulativo será mais elevado. A pílula somente é recomendada para as situações de emergência descritas acima.
Não é para ser usada como contraceptivo rotineiro.
Lembre-se: Se costuma fazer uso corriqueiro da contracepção de emergência, procure trocar pelo contraceptivo rotineiro, desde que com orientação médica.

Como utilizar a pílula?

Deve-se tomar 1 comprimido após a relação sexual desprotegida ou acidente contraceptivo, o mais rápido possível, dentro de no máximo 72 horas. O segundo comprimido deve ser tomado 12 horas após a primeira dose. O tratamento não deve ser tardio, visto que sua efetividade declina com o decorrer do tempo. Pode ser utilizada independentemente do ciclo menstrual.

A pílula é abortiva?

De acordo com dados do Ministério da Saúde, 10 milhões de mulheres estão sujeitas à gravidez indesejada, seja pelo uso inadequado de métodos contraceptivos ou por dificuldade de acesso a eles.

Estima-se ainda em 1 milhão a 1,2 milhão o número de abortos provocados por gravidez não desejada. Isso representa a quinta causa de internação de mulheres na rede do Sistema Único de Saúde (SUS).

Muito se discute a respeito da pílula ser um método abortivo. Dependendo do ponto de vista, ela realmente é. Ela é um agente ‘anti-implantação’, isto é, impede que um possível ovo fertilizado (que é um embrião humano), agora no estágio de blástula de seu desenvolvimento (cinco a seis dias depois da fertilização) seja implantado na parede uterina (endométrio) por um processo de alteração da própria parede. O resultado final será assim a expulsão e a perda desse embrião.

De acordo com a Aché, fabricante de uma pílula do dia seguinte, só será considerado gravidez quando o embrião estiver fixado no útero, e uma vez que isso não acontece com o uso da pílula, ela não é um método abortivo.

Há controvérsias a respeito do assunto, cabe a cada um decidir se a não implantação do embrião no útero é um aborto, ou não.

Fatores que levam à prática do aborto.

Fatores que levam à prática do aborto.

Seu ciclo menstrual...

O ciclo menstrual dura aproximadamente 28 dias, e é contado a partir do primeiro dia da menstruação até a menstruação seguinte.

A menstruação ocorre quando um óvulo não encontra com o espermatozóide ou quando fecundado, não consegue se fixar na camada que reveste o útero (endométrio). O óvulo então se dissolve e é eliminado juntamente com o endométrio na forma de menstruação.

Todo esse ciclo é regulado por hormônios. Tudo começa quando o hipotálamo (fica no cérebro) passa a produzir um hormônio chamado liberador da gonadotropina. Esse hormônio age na hipófise fazendo com que ela passe a produzir outro hormônio, o folículo estimulante (FSH).

O FSH é o hormônio que vai até os ovários através da corrente sanguínea, e ali faz com que alguns óvulos comecem a amadurecer. Ele também estimula os ovários a produzir estrogênio.
O estrogênio ajuda no amadurecimento dos óvulos e faz com que o endométrio engrosse para receber um embrião.

O nível de estrogênio vai aumentando e o FSH diminui. A hipófise então registra o aumento de estrogênio e entende que os óvulos já estão amadurecendo. Ela então libera o hormônio luteinizante (LH).

O LH é o hormônio que faz com que um óvulo saia do seu folículo e seja finalmente liberado do ovário. Ele então caminha em direção às trompas de falópio onde deve ocorrer a fecundação.

O folículo de onde o óvulo saiu se transforma em corpo lúteo, um aglomerado de células que roduz progesterona. A progesterona também ajuda a "engrossar" o endométrio.

A hipófise pára de produzir FSH para que não haja amadurecimento de outro óvulo.

- fertilização - o óvulo fertiliza o óvulo na tuba uterina e vai descendo até chegar ao útero. O zigoto (óvulo + útero) já com aproximadamente 150 células, fixa-se no endométrio.
O nível de progesterona continua alto.
A partir daí, começa a formação de um embrião.

- não houve fertilização - o óvulo começa a se desintegrar e o corpo lúteo diminui.
O corpo percebe que não houve fertilização e os níveis de estrogênio e progesterona caem.
O endométrio passa a produzir prostaglandina o que aumenta o fluxo de sangue e faz com que ele se rompa.
O útero então expulsa o endométrio com contrações (cólicas). O óvulo é eliminado junto. O ciclo menstrual recomeça.


sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Informação sobre a Pílula do dia seguinte



Comente suas duvidas sobre a pílula do dia seguinte...

25 comentários:

  1. eu mantive relaçoes com meu namorado no dia 20/11 e a camisinha estourou 3 horas depois eu tomei a pilula e 12 horas depois tomei a seguinte não senti nenhum efeito colateral, minha menstruaçao ta atrasada e 12 dias depois houve um corrimentno marrom é normal?
    sera que estou gravida? help-me

    ResponderExcluir
  2. No dia 19/12 o preservativo estourou e ejaculei dentro da minha parceira. Cerca de 1 hora após o coito, ela ingeriu a PDS Pozato Uni. Hoje é dia 26/12 (faz 7 dias) e a menstruação não desceu.O detalhe é que pelas contas dela, a última menstruação veio no dia 22/11. É normal esse atraso? Será que o remédio não fez efeito? Obrigado.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia.Dia 24/12 tive relaçao sexual desprotegida com meu marido e ele ejaculou dentro de mim.8 horas apos a relaçao sexual,tomei(pela 1ª vez)a pilula do dia seguinte.Passado 4 ou 5 horas,esqueci e ingeri varios copos de vinho,so lembrando que nao podia bebe,muito tempo depois.Minha menstruaçao veio 3 de dezembro.E por causa disso gostaria de saber se pelo fato de ter bebido pode ter afetado a eficacia da pilula e se pelo fato dele ter ejaculado uma vez so dentro de mim poderia eu engravidar?

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde tive relacao sexual na madruada e 15 hrs tomei a primeira dose da pilula do dia seguinte, mas estou usando o witomylon para infeccao urinaria a cinco dias, quero saber se esse antibiotico corta o efeito da pilula do dia seguinte. aguardo resposta ,, obrigada

    ResponderExcluir
  5. A minha preocupação é como fazer chegar a informação correta no momento de tomar a decisão.
    Olha este video resumindo esta questão: http://alturl.com/obfcr
    E a seguir, clique no link: http://alturl.com/oyn39
    Obrigado

    ResponderExcluir
  6. OI,
    estou precisando muito de ajuda!
    menstruei dia 14 de julho e meu no meu ultimo diazinho de menstruaçao, dia 19 tive relaçoes desprotegidamente, e logo apos tomei a pilula do dia seguinte, só que antes e depois de tomar a pilula ingeri uma grande quantidade de alcool! grande mesmo. e meu ciclo é de 24 a 27 dias! hoje dia 17 de agosto e ainda não menstruei.. estou bastante preocupada, pois por mais que eu nao estivesse nos meus dias férteis, minha mae engravidou de mim quando fez relaçoes quando estava menstruada. posso ter uma maior tendencia por conta disso? corro um grande risco de estar grávida? Obrigada!

    ResponderExcluir
  7. tomei a pirula o sangue deseu pasou tres dias tomei outra o sangue nao deseu corro risco

    ResponderExcluir
  8. Então é o seguinte na sexta pro sabado tive relação desprotgida com o meu namorado por volta das 3 ou 4 hrs da manhã, mas dessa vez ele gozou dentro de mim, nunca tinha acontecido, tipo ele sempre tirava antes mas dessa vez aconteceu. Ai no sabádo por volta da 13:00 tomei o DIAD (pílula do dia seguinte) e depois das 12 hrs tomei o segundo comprimido td certinho! Mas no domingo depois do almoço, passado as 12 hrs da ingestão do segundo comprimido cai na infelicidade de tomar bebida alcóolica :/ sei que não poderia ter tomado mas a vontade foi mais forte e tomei cerveja, não faço ideia da quantidade, mas não foi pouca! Corro algum risco do remedio não fazer efeito? (P.S: Tomei o primeiro comprido á 13:00 do sábado, o segundo á 1:00 da manhã que no caso ja era domingo, e depois de 12 hrs que ingeri bebida alcóolica.) Fico grata se me responderem o mais rápido possivél, obrigada.

    ResponderExcluir
  9. Boa tarde. Por favor, preciso de uma ajuda! Essa semana tomei a pilula do dia seguinte, 17 horas depois do ato sexual desprotegido. Porem uns dois ou tres dias antes disso tinha acabado de terminar um tratamento com o antibiotico Sigma-Clav BD que contem amoxilina e acido clavulanico. O fato de eu ter tomado o ultimo comprimido do antibiotico uns dois ou tres dias antes de utilizar a PDS pode ter cortado o efeito dela? Estava no meu periodo fertil durante o ato sexual mas meu parceiro nao ejaculou dentro de mim. Tomei a pilula ja faz 3 dias e ate agora minha menstruaçao nao veio apesar de ainda nao estar no dia de vir. Desde ja agradeço e espero o retorno!

    ResponderExcluir
  10. Bom dia!!Eu tive relação sexual com o meu namorado no domingo a nboite sem me previnira e quando foi segunda a noite eu tomei a pilula do dia seguinte,só que na pilula do dia seguinte vinha duas e eu tomei as duas de uma vez só,isso é certo??tem uma semana que esta saindo um negócio marrom é normal???quanto dias mais ou menos vai demorar pra minha menstruação descer??

    ResponderExcluir
  11. Oi. Tive a minha menstruação no dia 9 de Junho(5 dias de duração) e no dia 21 de Junho relacionou sem proteção por volta das 9h da mnhã. Fui tomar a pilula do dia seguinte, dose unica, no dia 22 por volta de 7h da noite. Ai,desde o dia 5 que tenho tido um corrimento marrom escuro,mas minha menstruação não está atrasada ainda. Tomei um igual no mes passado. É normal esse corrimento? E posso estar gravida?

    ResponderExcluir
  12. OLA.
    eu tive relaçao com meu namorado no começo desse mes de Julho de 2012 sem proteção nenhuma, fazia uns 5 meses que parei de toma anticoncepcional, e minha mesntruação desceu e ja no primero dia eu tomei anteconcepcional para corta e no dia seguinte tive relaçao sem nehumma proteção, apos ter tido eu ja tomei a pilua do dia seguinte a meia noite e depois no otro dia meio dia . no otro dia eu ja senti umas colicas isso normal? por conta deu ter cortado mesntruação do mes e ter tomado a pilula do dia seguinte pode desregula minha mesntruação do proximo mes? corro risco de ficar gravida sendo que tomei a pilua do sia seguinte? aguardo resposta

    ResponderExcluir
  13. Olaa,na verdade eu gostaria de saber o antibiótico AZITROMICINA corta o efeito da pds - pozato uni,eu estava tomando esse antibiotico e tive relação com meu namorado,dai então tomei a PDS,mas continuei tomando o antibiótico no outro dia,então tomei novamente outra pirula e no total foram 3 em uma semana,sera q estou correndo o risco dessa pirula n fazer efeito????

    ResponderExcluir
  14. Olá, tive relação com minha namorada em uma sexta feira a noite e o preservativo estourou , comprei previdez 2 pra ela e ela tomou uma hora após a relação e a outra 12 horas certinho, ela está sentindo algumas cólicas mas por enquanto nada de menstruação, faz 4 dias do ocorrido. Fizemos certo? Essa pílula é boa?

    ResponderExcluir
  15. Boa noite! Tenho duas duvidas que estao me tirando o sono. Esse final de semana, sabado dia 28/09 tive relações desprotegidas com meu namorado, mas no domingo por volta das 2 da tarde antes de ir a um churrasco, eu tomei a primeira dose da pilula do dia seguinte logo que cheguei na festa...almocei, tomei refrigerante e meia hora depois tomei 2 latinhas de cerveja e uma bicadinha de nada de whisky. Na segunda as 2 da madrugada tomei a segunda dose...e soh depois me veio a lembrança de ter ingerido bebida alcoolica logo depois de ter tomado a primeira dose. Eis minha pergunta: cortou o efeito da pilula?

    ResponderExcluir
  16. Continuando...(esqueci da outra duvida). Eu devo tomar outra dose, mas agora aquela q eh dose unica? Pq amanha a noite ja fazem 72 horas q tive relaçao.
    Nao tinha feito minhas contas, minha menstruaçao esse mes adiantou, o ciclo foi de 24 dias, o mes passado veio dia 24 e esse mes, como mencionei no posta anterior, veio dia 18. Eu ja tomei pilula do dia seguinte varias vezes, com um intervalo de maisou menos 1 mes e meio. Eu corro o risco de ficar estéril futuramente? Estou morrendo de medo depois de ter lido varias coisas em varios sites. Me esclareça se puder? Agradeço desde ja. Bjos

    ResponderExcluir
  17. ** - Boa Noite,

    Não cheguei a ter relação de fato, mas ele penetrou duas vezes rapidamente sem camisinha, não foi mais do que dois minutos, mesmo assim com medo eu tomei dia d. Hoje fez uma semana e desceu um leve sangramento marrom, isso é normal? Corro risco de gravidez mesmo não tendo realizado o coito? grata.

    ResponderExcluir
  18. Boa noite, uso anticoncepcional a um ano e meio e tomei meu último comprimido (Minesse) no dia 25 de novembro, aí no dia 28/29 de novembro iniciou a "menstruação",só que eu tinha decidido parar com o anticoncepcional pra ver se era ele que tava me dando tantas espinhas, portanto no dia 30 de novembro que era o dia que eu deveria ter retornado com uma nova cartela de remédio eu não retornei, no dia 7 de dezembro tive uma relação que tive a infelicidade da camisinha rasgar, uns 40 minutos após o ocorrido eu tomei a pílula do dia seguinte Hora H uno de dose única, 1,5mg. A chance deu ter engravidado pode ser considerada alta ou baixa? Há três anos atrás eu engravidei utilizando a pílula do dia seguinte, só que eu tinha feito uso da mesma duas vezes em menos de duas semanas, e nos meses anteriores também tinha utilizado, só que aprendi a lição e desde então nunca mais usei, meu organismo está três anos e meio limpo da pílula do dia seguinte, será que pode ser considerado um tempo seguro pra ela agora não ter sua eficácia diminuída no meu organismo? Parei a pílula no dia 25 de novembro será que meu corpo já estaria restabelecido a ponto de já estar ovulando dia 7 de dezembro? Outra coisa, dois dias após a pílula do dia seguinte eu tive um corrimento elástico que dizem que é da ovulação, e depois disso estou com corrimento abundante espesso e branco, isso significa alguma coisa? Estou muito apreensiva, posso ficar mais tranquila ou não? Obrigada! Luiza

    ResponderExcluir
  19. A pílula do dia seguinte se dissolve e é eliminada ou não?

    ResponderExcluir
  20. Já me disseram que a pílula fica inteirinha no útero e,com o tempo,vai formando um caroço. É verdade? Como funciona realmente?

    ResponderExcluir
  21. Olá, transei no meu período fértil sem camisinha, tomei a PDS , mas também tomei antibiótico. Já fazem 7 dias que tomei a PDS , posso estar grávida?

    ResponderExcluir
  22. Gente to com Uma Duvida Miserável. .
    - Meu Namorado Ejaculou dentro de mim Umas 3 a 4 Vezes e Horas depois tomei a Pilula do Dia seguinte ( DIAD) ANTES DE TOMAR A 2 PÍLULA elle Ejaculou Novamente DENTRO de miim.
    Posso estar Grávida?

    ResponderExcluir
  23. Eu nunca avia tomado pilula do dia seguinte,sempre tive relaçao ativa so que tive que tomar por medo. Acabei tomando um as 7:30 da noite e o outro as 7:30 da manha so que a noite as 09:00 da noite no mesmo dia que eu tomei o segundo comprimido acabei bebendo.
    Sera q cortou o efeito do remedio.
    Sera q podso ta gravida por causa disto.

    ResponderExcluir
  24. Eu nunca avia tomado pilula do dia seguinte,sempre tive relaçao ativa so que tive que tomar por medo. Acabei tomando um as 7:30 da noite e o outro as 7:30 da manha so que a noite as 09:00 da noite no mesmo dia que eu tomei o segundo comprimido acabei bebendo.
    Sera q cortou o efeito do remedio.
    Sera q podso ta gravida por causa disto.

    ResponderExcluir
  25. Olá. Bom dia! Fiz o uso da pílula do dia seguinte domingo às 11:30. Ontem não senti nada mas na madrugada de hoje senti fortes dores abdominais, como se fossem colicas. Será que posso tomar buscopan? Ou o mesmo cortará o efeito da pílula?

    ResponderExcluir